(11) 4396-2343 E-mail: contato@zurichtermoplasticos.com.br

Tijolo de plástico reciclado – Benefícios para economia e meio ambiente

Diego Z F 11 de julho de 2017 Nenhum comentário Sustentabilidade
  • Compartilhe isso nas redes sociais:
Tijolo de plástico reciclado – Benefícios para economia e meio ambiente

Tijolo-de-plástico-reciclado---Benefícios-para-economia-e-meio-ambiente

Desde a descoberta do plástico, o uso do material nos processos produtivos é crescente e abrange uma gama de segmentos. Hoje vamos falar sobre o tijolo de plástico.

A construção civil, segmento essencial na vida moderna, é uma atividade que agride, e muito, o meio ambiente.

Seja pela emissão de gases poluentes, o uso exacerbado de recursos ou mesmo a enorme quantidade de resíduos descartados.

Para solucionar essa questão, nas últimas décadas, vemos o desenvolvimento de processos que ajudam a diminuir esse problema.

A reciclagem do plástico também ganha destaque na área.

O plástico reciclado e a construção civil 

Produzidos com plástico reciclado através da injeção de termoplásticos, são uma alternativa sustentável e de produção em grande qualidade.

Hoje é possível encontrar no mercado dois tipos de soluções de tijolos de plástico:

  • Em blocos;
  • Como estruturas que dão forma e são preenchidas com cimento.

Em ambas, o resultado é a diminuição da necessidade do uso de concreto, armações de ferro e maquinários.

Os ganhos não se restringem ao meio ambiente apenas. Há também a redução nos custos da produção, especialmente nos blocos.

Esses blocos são produzidos em formas que se assemelham aos de montagem de brinquedos. A junção é realizada através de encaixes.

A injeção de termoplástico na fabricação de tijolos de plástico 

A injeção de termoplásticos é ideal para a produção dos tijolos de plásticos.

No processo, os resíduos recolhidos passam por uma triagem e, em seguida, são transformados em flocos.

Esse material, por sua vez, é colocado nas maquinas injetoras que, por meio de calor, derrete-o para ser aplicado nos moldes.

Após o resfriamento, e com a pressão adequada, as peças saem no formato idealizado sem que haja distorções.

Esse processo produtivo leva ao todo cerca de 15 segundos, tempo muito menor em comparação ao tijolo comum.

O resultado é um material de altíssima resistência e com bom isolamento térmico e acústico.

O futuro da construção civil está intimamente ligado aos polímeros plásticos. Não espere ele chegar e saia na frente.

A inovação é fundamental para se destacar no mercado e alcançar o sucesso!

Gostou deste artigo? Continue nos acompanhando para saber mais sobre as novidades da indústria do plástico.

Até a próxima!

Postado por: Zurich Termoplásticos | WWW.INJECAODEPLASTICOS.COM.BR


0 Comentários




Deixe o seu comentário!