(11) 4396-2343 E-mail: contato@zurichtermoplasticos.com.br

Sustentabilidade e plástico: Esses dois se misturam?

Zurich Termoplásticos 17/03/2020 Nenhum comentário Sustentabilidade
  • Compartilhe isso nas redes sociais:
Sustentabilidade e plástico: Esses dois se misturam?

 

A sustentabilidade do plástico pode acontecer? Isso é real? Existem várias maneiras de usar a sustentabilidade a favor da sua empresa. Veja aqui como esses dois assuntos podem se unir de forma poderosa!

A origem da palavra sustentabilidade vem do latim, sustentare, que quer dizer sustentar, apoiar, conservar e cuidar. 

Esse conceito surgiu na cidade de Estocolmo, na Suécia, em uma Conferência das Nações Unidas em 1972, onde a pauta era o desenvolvimento econômico e a conservação ambiental.

O objetivo do desenvolvimento sustentável é a preservação do planeta de modo que supra as necessidades da geração atual e, assim, as futuras gerações terão suas capacidades atendidas.

Mas o que sustentabilidade e plástico têm em comum? Se você quer descobrir isso, continue a leitura até o fim.

 

O tripé da sustentabilidade

Para que a sustentabilidade de fato aconteça, três fatores são fundamentais, que são:

1 – Social: Envolve as pessoas e as condições de vida, como lazer, faixa etária, educação, saúde etc.

2 – Ambiental: É a forma que são utilizados os recursos naturais do planeta pelas empresas, sociedade e comunidades.

3 – Econômico: Está relacionado com a produção, distribuição e consumo de bens e serviços.

 

Tipos de sustentabilidade

Sustentabilidade Social

Essa é a sustentabilidade que acredita que todos os indivíduos são tratados de forma equivalente, baseando-se no bem-estar da população.

Para que essa forma de sustentabilidade seja eficiente, o envolvimento da população é fundamental, com o objetivo de reforçar as propostas de desenvolvimento social, acesso à educação, cultura e saúde.

Sustentabilidade Econômica

A gestão dos recursos naturais viabiliza o crescimento econômico, o desenvolvimento social e gera uma melhora na distribuição de renda. 

De uma maneira geral, a sustentabilidade é um termo para definir nossas atitudes perante o meio ambiente, preservando e zelando pela sua existência, em prol de maior qualidade de vida.

Sustentabilidade Ambiental

A conservação e manutenção do meio ambiente é onde se encaixa a sustentabilidade ambiental. É preciso planejar e atuar firmemente a atualidade para que os interesses das futuras gerações não estejam ameaçados pelos atos vividos nos dias de hoje.

Sustentabilidade Empresarial

 

Uma empresa que preza por estratégias ambientais é vista com bons olhos pelos seus consumidores. Pensando nisso, posicionamentos com os valores ambientais e sociais são desenvolvidos para serem aplicados na rotina dessas empresas proporcionando uma melhoria na qualidade de vida das pessoas.

Essa estratégia já faz parte da rotina de inúmeras empresas a nível mundial, pois todas têm a consciência da relação direta entre o retorno econômico, ações sociais e conservação da natureza. 

É essencial compreender a sustentabilidade no âmbito corporativo como um processo de conciliação gradativo que envolve questões ambientais, sociais e econômicas.

 

Como o mau uso e o descarte de plásticos afetam o mercado de plásticos?

Por estar presente em praticamente tudo que consumimos, na maioria das vezes sequer pensamos no mal que o uso exacerbado de plásticos pode causar ao mundo e às futuras gerações. Entretanto, o descarte inadequado desse material é o grande responsável pelo meio ambiente pedir socorro nos dias de hoje. 

Com a gravidade do problema, em 2018, a ONU (Organização das Nações Unidas) deu início a um movimento chamado “Conscientização Global”. A ONU ainda afirma que a poluição causada por plásticos é um dos maiores desafios da atualidade.

Os números apontam dados preocupantes e, com isso, grandes empresas e marcas passaram e trabalhar com a redução desse material, afetando o mercado de plásticos e suas produções.

Com isso, o mercado precisou se adequar às novas necessidades ambientais e uma das soluções foi a produção de plásticos que podem ser reutilizados ou reciclados

Essa pode ser uma estratégia eficiente para que, em questões econômicas, o mercado não se sinta tão prejudicado por essa redução drástica do uso de plásticos. E, claro, desta forma irá contribuir significativamente com o meio ambiente, visto que um plástico comum dura 400 anos até se decompor na natureza.

 

O Brasil e o descarte de plásticos

Segundo um levantamento realizado pela Abrelpe (Associação Brasileira das Empresas de Limpeza Pública) no ano de 2017, o Brasil conta com aproximadamente 3 mil lixões e aterros irregulares, causando assim um impacto gigantesco ao meio ambiente e à qualidade de vida de pelo menos 77 milhões de brasileiros.

Neste caso, os materiais produzidos a partir do plástico, quando descartados em meio a esses aterros irregulares, dificultam a decomposição de todos os outros resíduos. Ou seja: o que era ruim acaba se tornando muito pior justamente pelo plástico jogado em lugares inapropriados.

 

Principais medidas que as empresas podem tomar para unir práticas ambientais ao mercado de plástico

O plástico, nesse formato descartável do qual vemos hoje, está mudando e as produções estão evoluindo. Além disso, as pessoas têm mais consciência sobre a reciclagem, reuso e como descartar esses materiais de forma correta. Algumas dicas pra isso são:

  • Investir em produções voltadas ao reuso e reciclagem;
  • Produzir embalagens feitas a partir de apenas um material;
  • Promover o consumo consciente através de ações e informações;
  • Adotar uma gestão focada na ecoeficiência.

Contudo, é preciso repensarmos sobre como lidamos com o plástico, pois isso é tão importante quanto as empresas planejarem novas formas de adequar suas produções num consumo mais sustentável. 

Um exemplo clássico são as praias, pois canudos e copos jogados no chão são quase que habituais, e aí fica a reflexão: o problema está em quem produziu este canudo ou em quem o descartou por lá? 

 

Continue nos acompanhando e fique por dentro de novas formas sustentáveis em que o plástico não é o vilão.

Até a próxima!

 

Postado por Zurich Termoplásticos | Injecaodeplasticos.com.br

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *