(11) 4396-2343 E-mail: contato@zurichtermoplasticos.com.br

5 formas de evitar que a produção fique parada

Diego Z F 14 de fevereiro de 2017 Nenhum comentário Dicas
  • Compartilhe isso nas redes sociais:
5 formas de evitar que a produção fique parada

5 formas de evitar que a produção fique parada

Uma parada inesperada em uma linha de produção devido a um quebra de equipamento, por exemplo, além dos custos associados ao conserto do mesmo, possui alto potencial de produzir prejuízos, atrasando toda a cadeia produtiva e obrigando assim a realização de horas extras entre outras medidas adequadas a cada situação.

Não seria exagero que é crucial para as empresas evitar a produção parada, especialmente em um setor de alta demanda, como a indústria do plástico que fabrica componentes, através da injeção de plásticos, para uma infinidade de membros da cadeia produtiva.

Com alguns cuidados é possível evitar que a produção fique parada! 

Há aqueles que digam que não existam acidentes, uma vez que uma ocorrência sempre possui uma causa ou fato gerador e embora essa visão possa parecer radical a adoção da mesma permite um olhar cuidadoso sobre os potenciais fatores de risco a que determinada ação está submetida.

Como sabemos a injeção de plásticos é realizada a partir de máquinas especialmente desenvolvidas para esse fim, de tal forma que uma das melhore maneiras de evitar a produção parada é se atentar a esses cinco fatores relacionados às mesmas.

  1. Siga as instruções do manual:

É comum que aqueles que já possuam certa experiência no trato com uma máquina adquiram vícios em seu uso e descartem completamente as recomendações contidas no manual da mesma.

Os manuais são desenvolvidos pelos fabricantes para apontar as práticas que irão garantir o melhor uso e resultados obtidos com o uso de seu maquinário, portanto jamais devem ser desconsiderados.

  1. Programe manutenções periódicas:

Mesmo as melhores máquinas utilizadas na injeção de plásticos se desgastam com o tempo, sendo necessário programar manutenções de tempos em tempos para verificar os estados dos componentes realizando a troca dos mesmos quando necessário.

Esse tipo de manutenção preventiva previne quebras e garante sempre o melhor desempenho, ou seja: evita prejuízos e garante uma alta produtividade.

  1. Faça a manutenção com o fabricante:

A manutenção é fundamental, contudo, só é possível garantir que a mesma será realizada de forma adequada e sem prejuízos ao funcionamento quando realizada com o fabricante ou assistência técnica autorizada.

  1. Utilize sempre peças originas:

Assim como a dica acima, aqui o ideal é fugir de gambiarras e soluções alternativas, mesmo que no momento o custo para aquisição pareça menor. Apenas peças originais possuem a garantia de fábrica que garantem o funcionamento adequado. Evite que o barato saia caro.

  1. Faça um checkup completo de suas máquinas:

Além das trocas de peças e manutenções preventivas é possível também realizar um checkup completo e minucioso de suas máquinas, verificando cada componente e seu estado de conservação, se adiantando a qualquer imprevisto.

Quando sua produção para por defeitos em suas máquinas os prejuízos podem ser enormes, por isso adote medidas preventivas. Sua empresa agradece.

Ficou com dúvidas ou possui sugestões? Deixe um comentário!

Até a próxima!

Postado por: Zurich Termoplásticos | WWW.INJECAODEPLASTICOS.COM.BR


0 Comentários




Deixe o seu comentário!